Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

justsmile

20
Fev19

Bolacinhas com Pepitas de Chocolate

IMG_20190212_161652_682.jpg

(Imagem de Just Smile)

       Na semana em que estive de baixa, num daqueles dias em que já estava a sentir-me melhor (o último, diga-se de passagem), decidi experimentar fazer a receita de Bolachinhas Com Pepitas de Chocolate da Yammi. Os ingredientes já há muito que estavam lá em casa, a vontade de os comer também já era muita e aproveitei aquele momento em que já estava farta de estar em casa para experimentar a receita do mês de Fevereiro. A verdade é que há muito tempo que tinha esta receita na minha cabeça, Ele adora bolachas com pepitas de chocolate e lá em casa tem sempre Chipmix e coisas desse género, mas eu, como intolerante à lactose, mal as posso tocar. Então, tenho sempre ali no armário bolachas que não posso comer e que me fazem babar como uma criança, assim, a receita tinha mesmo de ser experimentada. As bolachas ficaram boas, contudo considero que ficaram demasiado doces e numa próxima experiência irei reduzir significativamente ao açúcar, seja o mascavado como o branco granulado.

        Depois de alguns pedidos pelo instagram, deixo-vos a receita que se encontra no site da Yammi, mas que pode perfeitamente ser feita à mão. Se gostam de coisas muito doces, tal como a minha mãe, não mexam na quantidade de açúcar, caso contrário diminuam a vosso gosto.

       Ingredientes:

  • 280 g de chocolate aos pedaços (ou pepitas de chocolate)
  • 115 g de açúcar
  • 140 g de açúcar mascavado
  • 140 g de manteiga amolecida
  • 1 ovo
  • Pitada de sal
  • 1 c. de sopa de aroma de baunilha
  • 240 g de farinha sem fermento
  • 1 c. de chá de fermento para bolos
  • 1 c. de chá (rasa) de bicarbonato
  • Película aderente
  • Papel vegetal

        Preparação:

       1º Misturar o açúcar, o açúcar mascavado e a manteiga ligeiramente amolecida até se obter uma massa homogénea. Eu usei a Yammi, mas acredito que o batedeira normal faça a mesma função.

        2º Enquanto a batedeira continua a trabalhar, adicionar o ovo, o sal e o aroma de baunilha.

        3º Acrescentar a farinha, o fermento e o bicarbonato de sódio e misturar até ficar uma massa homogénea, no fim é só envolver as pepitas de chocolate.

        4º Colocar a massa em película aderente no frigorífico, a receita dizia durante 2 horas, mas considero que deveria ter ficado mais tempo.

         5º Depois de passar o tempo de descanso da massa, pré-aquecer o forno a 180ºC, e em cima do papel vegetal colocar pequenas colheres de massa (cerca de 50g) e levar ao forno. 

         6º As bolachinhas deverão ir ao forno cerca de 15-20minutos.

       As bolachas ficaram boas e aguentaram mais de uma semana estaladiças e saborosas, mantidas num recipiente fechado. Os únicos conselhos que dou ao fazer estas bolachas? Além de diminuir ao açúcar, a não ser que sejam extremamente gulosos, é deixar a massa ficar mais tempo no frigorífico, pois fica mais fácil de a moldar, e também não se preocuparem com o formato da massa que colocam sobre o papel vegetal. Aqui a Just, na primeira fornada de bolachas tentou metê-las todas bonitas, redondinhas e tal (demorando imenso tempo), mas tal coisa não era necessário, pois quando a massa cresceu, cresceu uniformemente e apesar de existirem umas bolachas maiores que as outras, a diferença era quase nenhuma e dava menos trabalho.

           A quem experimentar a receita, bom apetite 

14
Nov17

Crepes, a delicia dos dias frios

IMG_20171108_153318.png

(Imagem de Just Smile)

 

       Sou gulosa de natureza. Gosto de salgados, mas adoro doces. Como bem uma tablete de chocolate, mas se for um bolo devoro-o. Gosto do doce no ponto certo, não demasiado doce e enjoativo, mas na medida certa. Sou gulosa e acho que isso se deve à minha genética, não fosse a minha mãe ainda mais gulosa que eu. No entanto, desde que sou intolerante à lactose que fora de casa não me posso consolar com os doces. Evito comer fora de casa produtos que não sei o que levam e nas pastelarias a probabilidade de me verem a comer pão com fiambre é gigantesca. Sendo assim a minha única alternativa é confeccionar os meus próprios doces, onde substituo os produtos que levam lactose. Por vezes durante a semana tenho uma vontade enorme de comer doces, não é frequente, mas acontece, principalmente depois de um fim-de-semana em festas em que não pude tocar num único doce (comer com os olhos não funciona para mim, fico mesmo com o pecado da gula). Quando tal coisa acontece não posso perder muito tempo na cozinha, os fins-de-semana são para confeccionar doces mais elaborados, mas durante a semana o tempo é pouco e preciso de receitas rápidas e práticas. Normalmente opto por fazer crepes com chocolate, rápidos e deliciosos.

 

Ingredientes:

  • 1 dl de leite + q.b. para o chocolate
  • 1 dl de água
  • 2 ovos
  • 100g de farinha
  • chocolate de culinária

 

Preparação:

       Para ser uma confecção rápida coloco primeiro no copo da varinha mágica a água e o leite, depois os ovos e adiciono a farinha. Enquanto mexo com a varinha mágica já tenho a frigideira anti-aderente ao lume (uso uma do Ikea que é o tamanho ideal para os meus crepes). Depois de aquecer bem e da massa estar homogénea é só deitar um bocadinho de massa na frigideira, espalhar e virar a massa apenas quando estiver com as bolinhas de ar. Simples e em 15 minutos faço imensos crepes (nunca sei precisar o número, mas pelo menos dez costumam ser).

       Como sou preguiçosa o chocolate é feito da forma mais básica que há. Pego em quadradinhos de chocolate de culinária (normalmente 80% de cacau) e coloco-os numa chávena, deito apenas um bocadinho de leite e levo ao micro-ondas por 40 segundo na potência máxima. Quando tiro ainda não está derretido, mas mexo bem o chocolate com o leite e começa a ganhar a consistência desejada, nem muito líquido nem muito grosso. Se for necessário, adicionar mais um bocadinho de leite e levar novamente ao micro-ondas.

 

       E assim ficam feitos rapidamente. É uma sobremesa rápida, deliciosa e que pode ser acompanhada com várias coisas. No verão costumo pôr fruta e gelado, quando não me apetece chocolate ponho apenas açúcar e canela. É fácil de criar recheios bons e diferentes para acompanhar os crepes e é o ideal para aqueles dias sem tempo e que nos apetece algo docinho.

      Quem costuma fazer?

13
Out17

Bolinho de Coco Húmido

IMG_20171008_134041.jpg

 

      Este mês tinha decidido que ia experimentar fazer uma receita nova. Há imenso tempo que não procurava receitas novas e era algo que queria experimentar. A oportunidade ideal surgiu com o aniversário da minha irmã em que vinham todos almoçar a casa da minha mãe. Tinha lá para casa um coco ralado que queria gastar antes que se estragasse, visto utilizar pouquíssimas vezes e fui para a internet em busca de uma receita de bolo de coco (é um truque que uso, quando tenho um ingrediente que uso pouco ou que está prestes a estragar-se procuro uma receita específica para poder acabar com o produto). Lá encontrei a receita que me parecia melhor para realizar num sábado à noite, depois de uma semana extenuante, de um dia de trabalho e de guerra em volta dos convites. Encontrei uma receita simples, com poucos ingredientes e em que pouco tempo ficou feita. Aqui vos deixo a receita que retirei da internet, de um site que já não consigo encontrar (sorry!).

         

Ingredientes:

  • 2 chávenas de chá de farinha
  • 2 chávenas de açúcar de farinha
  • 4 ovos
  • 1 colher de chá de fermento
  • 125g de coco ralado
  • 1/2 chávena de chá de óleo
  • 1 chávena de chá de água quente
  • 1 chávena de leite

 

Preparação:

      Juntar numa bacia os ovos, o açúcar, a farinha, o fermento e o coco ralado. Bater bem e adicionar o óleo. Depois de bem misturado aquecer uma chávena de chá de água e adicionar à massa. Bater bem até obter uma massa homogénea.

      Depois de untar uma forma com manteiga e polvilhar com farinha, levar a massa ao forno pré-aquecido a 200º. Deixar cozinhar durante 40/45minutos a 160º.

      Assim que o bolo saia do forno, deve aquecer uma chávena de chá com leite e duas colheres de açúcar e deitar por cima do bolo ainda na forma. O bolo deverá estar quente para absorver mais facilmente o leite. Desinformar apenas quando o bolo estiver frio e sem vestígios de leite.

      Para uma apresentação mais bonita pode polvilhar o bolo com coco ralado por cima.

 

     Eu admito que gosto de cozinhar, mas não gosto de perder muito tempo na cozinha e este foi o bolo ideal para isso. Não só foi rápido como ficou delicioso. Nunca me tinha passado pela cabeça fazer um bolo de coco, mas a verdade é que foi da maneira que não desperdicei nem deixei estragar ingredientes e aprendi uma receita nova. O bolo foi um sucesso e já ficou no meu livro de receitas.

       Rápido, simples e delicioso, tal como e gosto.

 

P.S.: Fotografia de Just Smile

Inspiração da Semana

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Segue-me ainda em...


Justsmile91's book recommendations, liked quotes, book clubs, book trivia, book lists (read shelf)
Revista Inominável

Nas páginas de...

2019 Reading Challenge

2019 Reading Challenge
Justsmile91 has read 0 books toward her goal of 12 books.
hide

Parcerias

Emprego em Portugal