Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

justsmile

21
Mai19

Admirável Mundo Novo (4/12)

(Imagem retirada daqui)

        Quando peguei neste livro tinha a plena consciência de que não seria um livro de leitura ligeira. Sabia perfeitamente que não seria o tipo de livro de desligar o cérebro, algo que ando a precisar, mas o tipo de livro que me levaria a questionar a vida. Não sabia bem do que se tratava, mas tinha suficientemente o conhecimento de que estava relacionado com uma visão futurista da nossa sociedade. Não me enganei em nada, apenas subestimei a minha capacidade para o ler e o conteúdo que este livro poderia conter.

       Pensar sempre foi uma coisa assustadora para muitas pessoas, principalmente para os poderosos, verem 'seres inferiores' pensarem e terem uma opinião levou à queda de grandes governadores e de grandes impérios. Esse livro baseia-se bastante na teoria de 'a ignorância é uma benção', não tanto como Fahrenheit 451, mas com um paradigma muito semelhante. "Admirável Mundo Novo", talvez não seja num futuro tão longínquo quanto isso, uma sociedade preparada para nascer formatada, já com uma hierarquia definida no sangue e preparada para ser feliz com aquilo que tem sem ambicionar nada mais. Uma sociedade em que qualquer homem e mulher é formatado para ter uma determinada função em que sentimentos negativos não entram, e quando tal acontece, uma droga preparada para não ter consequências negativas, devolve a felicidade que é impossível de deixar de sentir. Uma sociedade sem princípios nem valores, mas em que tais coisas não são necessárias, pois o pensamento não existe. O vocabulário é limitado e até a sua utilização já está formatada, uma sociedade onde não há dor, nem problemas e quando isso acontece são enviados para longe, não vá terminar com o equilíbrio da sociedade. 

      Este livro, mais que ficção, parece ser um visionamento do futuro que não irei conhecer, mas que não duvido que um dia chegará. É um livro forte que assusta verdadeiramente aqueles que pensam, aqueles que se questionam, pois parece estar tão próximo da realidade futura que deixa de parecer ficção. É um livro fantástico, escrito num outro século, mas que verdadeiramente parece predizer o futuro. Não é um livro fácil, mas necessário.

        Quem leu?

20
Mai19

Coisas de mulher: Enrolador de cabelo

IMG_20190515_111011 (1).jpg

(Imagem de Just Smile e daqui)

       No ano passado, enquanto experimentava penteados para o casamento, apercebi-me que adorava ver-me com o cabelo ondulado. O meu cabelo é demasiado fino e sem volume, além de extremamente liso, e quando me vi pela primeira vez com o cabelo ondulado adorei o resultado. Há algum tempo que andava a investigar estes enroladores de cabelo, sem experiência na matéria (e normalmente muito pouca paciência para) não queria fazer um grande investimento sem compreender se a coisa ia resultar ou não, até porque uma coisa é vir da cabeleireira com o cabelo arranjado outra sou eu a tentar fazê-lo em casa.

      Na semana passada, no Bazarão do Continente vi o dito a 20€, algo realmente muito básico, apenas o botão de ligar e desligar e o próprio enrolador. Logo no primeiro dia à noite decidi experimentar, o meu jeito para a coisa não foi realmente o melhor. Tentei utilizar e até consegui alguma ondulação (o meu principal objectivo). Na segunda tentativa a coisa já correu melhor, o aparelho aqueceu bastante rápido, consegui fazer mais cachos no cabelo e a verdade é que no dia seguinte, depois de uma noite de sono, o cabelo conseguiu manter o volume. É verdade que os cachos estavam longe de serem perfeitos no dia seguinte, mas consegui atingir o meu objectivo. O aparelho é bastante básico e muito, muito simples de usar, principalmente para pessoas leigas na matéria como eu, mas consegui o que prendia. O meu cabelo ficou com alguma ondulação, algum volume e olhando ao espelho a coisa não ficou tão mal assim. 

       Afinal esta coisa de enrolar o cabelo até é bastante giro!

10
Mai19

Blogs com gente dentro

(Imagem retirada daqui)

       Já ando por estas bandas há um bom par de anos. O blog já teve melhores e piores dias, já esteve praticamente acabado, já viveu uma vida mais intensa e até já esteve na ribalta (isto é como quem diz, nos tops de alguma coisa que não percebo muito bem...), mas houve algo que se manteve constante nos meus gostos, pelo menos nos literários de blogs. Gosto e continuo a gostar de blogs com gente dentro. Gosto de blogs genuínos, de gente real, são aqueles que mais prazer me dão ler. Não sou apreciadora de blogs de organização, a ser que seja alguém que está a passar por esse processo. Não sou apreciadora de fashion bloggers e muito menos daqueles blogs que estão sempre cheios de publicidade de marcas fantásticas que as fazem viver melhor. Nem sou grande apreciadora de blogs que apenas partilham viagens, apesar de os ler pontualmente quando decido viajar. Não é informação, não são dicas e muito menos imagens de vidas perfeitas que pretendo ler quando decido passar por alguns blogs. São pessoas que gosto de ler.

      É ao encontrar pessoas com vidas semelhantes ou ideais parecidos aos meus que me sinto bem em ler. Dá uma sensação de companheirismo de que não estamos sós nesta jornada que é a vida. É bom ler alguém e saber como anda a sua vida sem ser propriamente 'cusquice'. É a magia de sentir que conhecemos alguém mesmo sem a conhecer que me dá prazer ler blogs. Não tenho paciência para vidas perfeitas, para pessoas que sabem tudo sobre tudo e que nunca duvidam de nada. Gosto de blogs de pessoas reais, pessoas com vidas normais que tentam encontrar o seu caminho para a felicidade. Mães que se queixam do cansaço, mas que são felizes. Pessoas que não estão no local certo, mas que continuam a procurar o que as faz felizes. Pessoas reais, que se esforçam para fazerem os sonhos acontecer, que têm dias maus e que de perfeitas pouco têm. Gosto desses blogs reais, de pessoas que tentam virar a vida de pernas para o ar ou que simplesmente gostam de viver calmamente a vida. Gosto de dicas de pessoas que já experimentaram, mesmo que a coisa tenha corrido mal. Gosto de blogs com pessoas dentro, com sentimentos, com histórias, com vida. Tudo o resto me parece apenas um bocadinho supérfluo.

          Gosto de blogs com gente dentro.

Inspiração da Semana

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Segue-me ainda em...


Justsmile91's book recommendations, liked quotes, book clubs, book trivia, book lists (read shelf)
Revista Inominável

Nas páginas de...

2019 Reading Challenge

2019 Reading Challenge
Justsmile91 has read 0 books toward her goal of 12 books.
hide

Parcerias

Emprego em Portugal