Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

justsmile

19
Dez19

Querido Pai Natal,

        Querido Pai Natal,

      Este ano tenho um bocadinho de vontade de te bater. Deste-me a volta e em 2019 não me deste coisas muito boas, bem pelo contrário. Sei que também terminei o último ano sem pedir muita coisa, mas por isso mesmo esperava que me surpreendesses com coisas boas! É verdade que tive algumas coisinhas boas, mas tive tantas más, senti-me em baixo durante tanto tempo que sinto que 2019 foi um ano em que me senti 'atropelada', não literalmente, mas quase. Pedi-te ajuda para começar a minha casa e onde está ela? Ainda em papel e quase a caducar a fase de arquitectura na Câmara porque os engenheiros não se decidem a terminar o documento. Pedi-te para me ajudar a poupar, mas as despesas em casos e gasóleo triplicaram (não precisava de ser assim, pois não, Pai Natal?)! Por isso, aonde esteve a tua bondade para comigo? Sinto que foste injusto, logo eu que tenho lutado por ser uma melhor pessoa! Mas pronto, pretendo deixar 2019 para trás, virar a página e esquecer o peso que trouxe nos ombros ao longo deste ano. Agora vê lá se consegues ser mais meu amiguinho no próximo ano, sim?

         Com os meus sobrinhos até que foste meiguinho, o D. mais velho aprendeu a escrever (caramba, como é que o tempo passou tão rápido?) e apesar de achar que andar na escola é muito cansativo, está a gostar bastante. O D. do meio continua sem apreciar muito a escola, mas lá vai indo e desenvolveu imenso no último ano! Assim como o D. mais novo, está tão despachado que até é algo assustador. Para o Natal? Dá-lhes muita saúde, muitos passeios que eles adoram e até muitas brincadeiras. Adoro vê-los juntos, por isso também podes dar-lhes mais momentos na companhia uns dos outros em 2020!

        Para os meus pais foi um bom ano, tirando para a mãezinha que teve ali um dramazinho pelo meio, mas que já passou. Tiveram a sorte de ver a minha mãe reformar-se, tiveram bem de saúde e finalmente conseguiram estabilizar as contas, o que (acredites ou não) é algo maravilhoso! Para a mãe peço-te apenas que a ensines a estar quieta mais que 15 minutos, a mulher precisa de aprender a descansar e de que já não há necessidade de estar sempre a correr! Para o paizinho trás-lhe a reforma, está quase e ele anda desejoso!

         Para os meus manos? Apesar dos azares que a minha irmã teve este ano, com casas que não comprou, com carros que pifaram e até com electrodomésticos, ela pelo menos terminou o ano com um apartamento em nome dela. A sua primeira casa e a um preço bem chorudo, o que é uma excelente coisa para tudo aquilo que ela teve de compensar ao longo do ano. Para o próximo ano dá-lhe mais paciência e uma boa viagem que ela anda a merecer. Já o mano? Acho que está bem assim, continua a dar-lhes as coisinhas boas que ele merece.

       Para o homem da minha vida? Dá-lhe paciência, a que lhe deste no ano passado não foi suficiente e ele precisa de uma dose extra este ano. Dá-lhe juizinho para trabalhar menos para quem pouco lhe agradece e já agora sorte, aliás, isso é para os dois. Mas não te esqueças de o incluir nesse desejo.

        E eu também tenho dois, vá, três pedidos para ti. 1º Por favor, faz com que esta coisa da casa comece a andar, queremos começar a planear outras coisas na nossa vida e é impossível sem darmos início a este nosso projeto. 2º dá-me sorte, caramba, acho que até sou uma boa menina e mereço! Preciso que este ano me dês mais sorte, mais tranquilidade e menos problemas à minha volta. Necessito, desesperadamente, que 2020 seja um ano mais calmo e mais focado em mim mesma em vez de nos problemas dos outros. 3º uma viagenzinha aí por uma cidade europeia vinha mesmo a calhar, sinto-me a ressacar de já não viajar pela Europa há algum tempo e sinto mesmo essa necessidade. Baixa aí os preços dos voos directos para Roma a partir do Porto e eu já fico feliz!

        Vá Pai Natal, vê-se 2020 me traz mais felicidade, se me traz aquilo que 2019 não conseguiu. É verdade que ainda assim te tenho de agradecer algumas das pequenas coisas boas que tive ao longo deste ano, agradecer principalmente pelas pessoas que estão na minha vida, pelos momentos de muitos sorrisos e por aqueles momentos que me preenchem o coração, mas os meus desejos passam realmente por um 2020 mais feliz e mais tranquilo!

          Bom Natal!

16
Dez19

Vinha mesmo a calhar para este Natal!

         Neste Natal não consigo pensar muito em prendas físicas, só tenho o desejo que o (raio) do projecto da minha casa vá para a frente e, além disso, só consigo pensar em férias. Só quero conseguir planear as minhas férias para o próximo ano, quero passear e conhecer. Ando a sentir-me ressacada do facto de não visitar uma cidade europeia há três anos e ando a tentar planear a minha próxima viagem, mas parece que os astros não se querem alinhar! Contudo, é altura do Natal e há algo que vem sempre a calhar...

         Uma camisola bem quentinha, para me aquecer nestes dias de Inverno nas escolas. É que apesar de serem escolas do Ensino Básico, a verdade é que é rara a sala em que estou que posso dizer que é quente, principalmente para alguém tão friorenta como eu.

          Como é óbvio, livros nunca são demais! Este vinha mesmo a calhar para continuar a ler a saga que mais me marcou nos últimos anos (isto depois do Cemitério dos Livros Esquecidos do Záfon!).

 

         Um porta-chaves todo fofinho também calhava bem, afinal, desde que fiz o funeral à minha vaquinha que nunca mais lhe arranjei um substituto. E faz bem falta para procurar as chaves do carro na carteira!

         E para finalizar, um porta-moedas também vinha muito bem. O meu está a ficar bastante feio (também já tem mais de 10 anos) e ainda não tive a paciência para comprar um novo.

            Não sou muito exigente, mas qualquer uma destas prendinhas, vinha mesmo a calhar! E quais são os vossos pedidos para este Natal?

03
Dez19

Dezembro, aqui vamos nós!

(Imagem retirada daqui)

          Dezembro, sempre foi e será, o mês que mais me aconchega o coração. Adoro guardar sempre uns dias de férias para fechar o capítulo de mais um ano e conseguir renovar as energias para entrar no ano novo cheia de positivismo. Dezembro é o mês que me faz reflectir sobre o ano e preparar os meus desejos para o novo ano. Faz-me sentir uma gratidão enorme, entrar no espírito de Natal deixa-me mais sorridente, mais calma e mais tranquila quanto àquilo que me rodeia. 2019 foi um ano extremamente difícil, com muitos momentos em que realmente não soube o que fazer ou dizer, e a vontade de o deixar para trás é enorme, mas nesta altura do ano consigo (quase) sempre reflectir sobre o que este ano me trouxe de bom. Parece que tudo o que se passou de mau se torna mais leve, mais distante, tornando possível sonhar com a concretização de alguns objectivos para o ano que aí vem.

         É verdade que entro em Dezembro já com o espírito natalício, mas sem saber bem como aqui cheguei. Passou demasiado rápido este 2019 e o mês de Novembro, nem se fala! Novembro foi um mês com muito trabalho, mas com muitos reencontros com amigos. Tenho dado por mim a sair mais da minha zona de conforto e a estar mais com aqueles que gosto, a marcar mais cafés e jantares, o que acaba por ocupar bastante a agenda. Em Novembro estive com amigos que não estava há meses e soube realmente bem, pôr a conversa em dia, rir às gargalhadas e até ter conversas mais sérias, mas aconchegou verdadeiramente a alma. Foi um mês em que tive algumas horas de sofá e isso foi necessário para reestabelecer as energias para aguentar mais uma semana. Foi um mês com algumas frustrações, mas com muitos sorrisos. Não foi um mês de decisões como desejava, não foi o mês de voltar a escrever e a ler como antigamente (que o diga o desafio dos Pássaros), aliás, até foi o mês de pela primeira vez faltar uma semana inteira ao ginásio (shame on me!). Mas foi um mês com pequenas coisas que alegraram os meus dias. O miúdo que conseguiu finalmente dizer o [x]. O meu sobrinho que veio a correr dizer que tinha saudades minhas. O livro que finalmente terminei de ler. A temporada da série The Crown que consegui ver. Os jantares e cafés com os amigos. As horinhas passadas no sofá no miminho a ver televisão. E os cozinhados que ficam cada vez mais apurados. Não tinha expectativas para o mês de Novembro, mas termino-o com a sensação de coração aconchegado e isso faz-me sorrir.

      E o Dezembro que aí vem? Ora, será mais um mês de reflexão, mas principalmente um mês em que espero aproveitar para descansar, mas também para quebrar a rotina. Ainda será um mês com vários compromissos pessoais e profissionais, mas dia 20 dará início a umas merecidas férias, para ver se termino o ano de loucos com as boas energias que necessito para começar os próximos 365 dias. E o que desejo fazer em Dezembro?

         - Cortar o cabelo, que a juba já tem um ano sem ver a tesoura e já está a precisar do belo de um corte.

         - Ir ver as luzinhas de Natal, ainda não sei se ao Porto, Braga ou Guimarães e ainda não sei bem quando, mas gosto imenso das nossas caminhadas pelas cidades iluminadas e este ano gostava muito de repetir esta nossa 'tradição'.

         - Devorar filmes de Natal, daqueles melosos em que tudo acaba bem. Daqueles em que o amor surge e a magia do Natal acaba por resolver tudo de uma maneira perfeita.

          - Pelo menos acabar de ler um livro, já nem peço mais. Este ano as leituras foram uma desgraça!

          E que com o mês de Dezembro eu consiga sorrir mais e preocupar-me menos. Que neste mês consiga ficar no aconchego do sofá, mas também sentir-me bem por contribuir mais ao trabalhar para a minha comunidade. Que consiga aproveitar este espírito de Natal da melhor maneira possível, mas que consiga, acima de tudo, transmitir o amor pelo que faço, pelos que amo e por aqueles que quero bem! Vamos lá Dezembro, vamos terminar 2019 em beleza!

Inspiração do Mês

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Segue-me ainda em...


Justsmile91's book recommendations, liked quotes, book clubs, book trivia, book lists (read shelf)

Nas páginas de...

2020 Reading Challenge

2020 Reading Challenge
Justsmile91 has read 0 books toward her goal of 12 books.
hide

Parcerias

Emprego em Portugal estudoemcasa-mrec