Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

justsmile

11
Abr17

Coisas pouco prováveis...

(Imagem retirada daqui)

 

Gostava de um dia sair a meio do trabalho apenas para ir apanhar sol.

Gostava de pegar na mochila às costas, esquecer a casa e a conta bancária e ir à descoberta.

Gostava de ser capaz de fazer bungee jumping sem qualquer tipo de receio, medo ou pavor.

Gostava de ir para África, fazer voluntariado, sem me questionar se ao voltar iria ter ou não trabalho.

Gostava de acordar a tempo de ver o sol ainda nascer.

Gostava de nadar nua no mar.

Gostava de ir até ao aeroporto e escolher um voo que estivesse prestes a sair.

Gostava de conseguir compreender as teorias do ioga, mais que compreendê-las, conseguir integrá-las em mim.

Gostava de passar uma noite inteira ao ar livre, sem tenda, apenas a manta.

Gostava de ser ainda mais desapegada do que realmente sou.

Gostava de conseguir correr uma maratona.

Adorava conseguir ser um espírito mais livre, menos preso às minhas convicções.

 

E gostava de fazer tudo isto, mas parece-me demasiado improvável. Talvez pela minha personalidade, pela minha educação, pelos objectivos que tenho definidos para mim mesma, pela minha forma de ser e de estar e até pela responsabilidade que sinto em mim. Talvez por gostar do conforto, pela preguiça, de saber que ia ser mordida por mosquitos ou porque sei que a estabilidade financeira é para mim uma ambição. São coisas que gostava um dia de fazer, mas que me parecem tão prováveis de acontecer como ganhar o euromilhões.

Será que sou só eu que penso nestas coisas improváveis de acontecerem?

 

28
Set16

Eu admito... #12

(Imagem retirada daqui)

 

Não consigo ter qualquer tipo de atração por homens mais baixos que eu. Eu sei, faz de mim uma pessoa horrível, mas juro que não consigo. Até podem ser giritos e tal, mas eu hei de sempre dizer 'Ééééé... nem por isso'. Eu sei, que sou esquisita e tal, mas se um homem não tiver mais de 1,72 metros não dá para chamar-me á atenção. (Imaginem lá que altura é que Ele tem :P )

 

Serei só eu?

04
Ago16

Não gosto de trabalhar em Agosto!

(Imagem retirada daqui)

 

E nada tenho contra o mês de Agosto. Gosto do sol, dos churrascos, das esplanadas, das (tentativas) de ida à praia e das frutas. No entanto, apesar de não gostar de trabalhar em Agosto, tenho a certeza que quero evitar ao máximo tirar férias no mês de Agosto (questões financeiras e razões populacionais em áreas de lazer). Ainda assim, não consigo gostar de trabalhar no mês de Agosto.

É o caramelo na estrada que demora uma eternidade a colocar a quinta ou a passar dos 50 km/h.

São os clientes que vão de férias e apenas ficam os caramelos que nos dão cabo da cabeça.

As filas de bancos, finanças e loja do cidadão tornam-se intermináveis com crianças, emigrantes e velhinhos.

 

São os fornecedores que vão de férias e que surge sempre falta de material.

É ainda o pessoal que tira férias e atrasa a resolução de todos os problemas e mais alguns.

É a colega de trabalho que tira férias e o trabalho dela fica para nós.

É ainda o calor, a vontade de ir para a praia e ter de ficar fechadinha no escritório com um sol radiante lá fora.

 

P.S.: Ainda assim, estou tão feliz por ter emprego que nem me custa assim tanto não ter férias.

Inspiração do Mês

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Segue-me ainda em...


Justsmile91's book recommendations, liked quotes, book clubs, book trivia, book lists (read shelf)

Nas páginas de...

2020 Reading Challenge

2020 Reading Challenge
Justsmile91 has read 0 books toward her goal of 12 books.
hide

Parcerias

Emprego em Portugal estudoemcasa-mrec