Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

justsmile

12
Set16

Aos que hoje se estreiam como caloiros...

(Imagem retirada daqui)

 

"A todos os que entram pela primeira vez no ensino superior, parabéns. Parabéns por algo que tenho a certeza que lutaram, por algo que apenas se deve a vocês próprios. E apesar de praxistas ou não-praxistas serão durante um ano lectivo caloiros. Caloiros, aproveitem bem e acreditem em mim (que já por lá passei há 5 anos atrás) que este será o melhor ano das vossas vidas. Não é agora o melhor momento, apenas porque entraram, mas serão as recordações desse vosso primeiro ano que vos fará guardar as memórias de um ano cheio de coisas boas e outras menos boas. Será o vosso ano de caloiro que será falado nos anos vindouros no meio dos amigos, que será contado aos filhos como 'Os tempos da faculdade' e recordado aos netos, como o ano em que mais viveram. Caloiros, não se esqueçam do estudo, mas nunca deixem de viver este ano que de nada terá de igual aos próximos que se avizinham. Aproveitem as festas, aproveitem a praxe (para quem agradar), vivam o espírito académico, mas mais que isso, VIVAM. É um ano em que podem renascer, em que irão criar novas amizades que durarão uma vida inteira, em que nada do que aquilo que digam irá ser julgado pela pessoa que eram antes de ali chegar. Cresçam. Cresçam num meio de diversidade, de pessoas semelhantes e cresçam no meio de um mundo cheio de novidades e coisas alucinantes. Aceitem novas ideias, mudem quem eram e sejam aquilo que realmente querem ser sem se preocuparem com julgamentos. Sejam caloiros, novatos num meio novo, onde o local e as pessoas são desconhecidos, criem novas rotinas, novos gostos e até experimentar coisas que antes pensavam impossíveis de experimentar. Aceitem-se. Aceitem-se como sendo novos e não conhecendo o mundo, aceitem as opiniões e os conselhos dos mais velhos que têm a sabedoria da vida de estudante para vos entregar. Vivam ou experimentem a praxe. Deixem o suor escorrer pelo rosto e ainda assim querer continuar, ouçam as histórias dos doutores e sonhem em um dia ser como eles. Sejam ridículos, corram atrás de folhas, pedras ou passar a cabeça num lago. Lutem com comida, sujem a roupa e esfolem as mãos. Conheçam o vosso curso, o do outro e os anteriores, aumentem o círculo de amigos, vivam as festas académicas com ou sem álcool, mas vivam. Ser caloiro só dura um ano, ser caloiro não dura uma vida, mas as memórias que farão nos próximos tempos ficará para a vida inteira.

A todos os que por aí andam, aproveitem. Aproveitem bem a vida de caloiro, pois se eu acho que aproveitei, hoje digo que ainda poderia ter aproveitado muito mais. Aproveitem o mundo novo que vos é dado e divirtam-se, divirtam-se (com juízo) como se não houvesse amanhã."

 

P.S.: Já não foi há 5, mas há 7 anos e ainda hoje me lembro da boa sensação de me estrear no mundo universitário.

02
Mai15

Dois anos sem vida de estudante

IMG_0684.JPG

 

(Imagem de Just Smile) 

 

Faz hoje dois anos que iniciei a minha última semana da vida académica e todos os dias acordo e deito-me ao observar estas memórias. A cartola continua amachucada das suas batidas e a bengalada marcada das vezes que raspou e bateu no chão. Hoje são objectos que me avivam a memória do percurso que me fez chegar até aqui e tornar-me numa Terapeuta da Fala. São objectos de adorno do meu quarto que conta a minha história. Admito, nesta altura vêm todas as recordações à memória. As longas noites de queima, a sensação de dever cumprido ao ouvir-se a última serenata. O cansaço dos pés pelas longas horas em cima dos sapatos do traje e até o aconchego da capa rasgada e marcada com os emblemas de quem fez parte da minha vida. 

Nestes dois anos muita coisa mudou. Pessoas que fazem parte destas memórias hoje são meros colegas, a vida de estudante terminou e hoje as obrigações são outras e o cansaço já não é pelas longas noites de trabalho. Mas as memórias? Essas ficaram gravadas para sempre e fazem-me recordar como consegui alcançar um dos meus maiores objectivos, como consegui ultrapassar todas as adversidades e como consegui ganhar força para chegar à meta.

Hoje, em noite de serenata na cidade do Porto, desejo aos caloiros que aproveitem a primeira queima, pois serão as melhores memórias que vão guardar da vida académica. Aos finalistas, aproveitem a última queima, pois a partir daqui a vida vai-se transformar de uma forma que nunca imaginaram. E a pessoas como eu, que só guardam boas recordações desta altura académica, ide rever o que passaram, felicitem quem chegou e festejem com quem agora termina, pois uma vez sentido o espírito de estudante, para sempre será relembrado.

07
Set14

Aos futuros Caloiros

(Imagem retirada da internet)

 

A todos os que entram pela primeira vez no ensino superior, parabéns. Parabéns por algo que tenho a certeza que lutaram, por algo que apenas se deve a vocês próprios. E apesar de praxistas ou não-praxistas serão durante um ano lectivo caloiros. Caloiros, aproveitem bem e acreditem em mim (que já por lá passei há 5 anos atrás) que este será o melhor ano das vossas vidas. Não é agora o melhor momento, apenas porque entraram, mas serão as recordações desse vosso primeiro ano que vos fará guardar as memórias de um ano cheio de coisas boas e outras menos boas. Será o vosso ano de caloiro que será falado nos anos vindouros no meio dos amigos, que será contado aos filhos como 'Os tempos da faculdade' e recordado aos netos, como o ano em que mais viveram. Caloiros, não se esqueçam do estudo, mas nunca deixem de viver este ano que de nada terá de igual aos próximos que se avizinham. Aproveitem as festas, aproveitem a praxe (para quem agradar), vivam o espírito académico, mas mais que isso, VIVAM. É um ano em que podem renascer, em que irão criar novas amizades que durarão uma vida inteira, em que nada do que aquilo que digam irá ser julgado pela pessoa que eram antes de ali chegar. Cresçam. Cresçam num meio de diversidade, de pessoas semelhantes e cresçam no meio de um mundo cheio de novidades e coisas alucinantes. Aceitem novas ideias, mudem quem eram e sejam aquilo que realmente querem ser sem se preocuparem com julgamentos. Sejam caloiros, novatos num meio novo, onde o local e as pessoas são desconhecidos, criem novas rotinas, novos gostos e até experimentar coisas que antes pensavam impossíveis de experimentar. Aceitem-se. Aceitem-se como sendo novos e não conhecendo o mundo, aceitem as opiniões e os conselhos dos mais velhos que têm a sabedoria da vida de estudante para vos entregar. Vivam ou experimentem a praxe. Deixem o suor escorrer pelo rosto e ainda assim querer continuar, ouçam as histórias dos doutores e sonhem em um dia ser como eles. Sejam ridículos, corram atrás de folhas, pedras ou passar a cabeça num lago. Lutem com comida, sujem a roupa e esfolem as mãos. Conheçam o vosso curso, o do outro e os anteriores, aumentem o círculo de amigos, vivam as festas académicas com ou sem álcool, mas vivam. Ser caloiro só dura um ano, ser caloiro não dura uma vida, mas as memórias que farão nos próximos tempos ficará para a vida inteira.

A todos os que por aí andam, aproveitem. Aproveitem bem a vida de caloiro, pois se eu acho que aproveitei, hoje digo que ainda poderia ter aproveitado muito mais. Aproveitem o mundo novo que vos é dado e divirtam-se, divirtam-se (com juízo) como se não houvesse amanhã.

 

P.S.: A nostalgia hoje fez-se sentir e a caloira que um dia fui, sentiu uma pontadinha de saudade.

Inspiração do Mês

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Segue-me ainda em...


Justsmile91's book recommendations, liked quotes, book clubs, book trivia, book lists (read shelf)

Nas páginas de...

2021 Reading Challenge

2021 Reading Challenge
Justsmile91 has read 0 books toward her goal of 12 books.
hide

Parcerias

Emprego em Portugal estudoemcasa-mrec