Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

justsmile

20
Jan21

Balanço das Poupanças de 2020

(Imagem retirada daqui)

       No início de 2020 fiz um plano de onde desejaria poupar algum dinheiro, com a casa a iniciar a construção a poupança é uma acção extremamente necessária e já muitas foram as despesas da casa que nos fizeram balançar as poupanças ao longo de 2020, principalmente uma despesa das Finanças (a chiqueza de uma "actualização de valores") que quase nos deu um pequeno ataque. Mas apesar de todas as despesas que tivemos de 2020, vejo que os meus objectivos de poupança foram realmente cumpridos. Venho aqui apresentar-vos o meu balanço de poupanças de 2020.

       - Poupar nas idas a jantar fora, Check! Acho que a pandemia também assim o obrigou, mas a verdade é que recorremos mais ao take-away em 2020 do que alguma vez o tínhamos feito. A partir de Setembro a questão social fez-nos manter as nossas encomendas de take-away, apenas por uma razão , nós pertencemos ao grupo de privilegiados em que esta pandemia não teve impacto nos salários. Desta forma, tentamos ajudar quem realmente está a precisar de manter o seu negócios e os postos de trabalho. Contudo, a verdade é que se apesar de tudo conseguimos poupar cerca de 15% a ir jantar fora, esse valor acabou por ser acrescentado na conta do supermercado.

    - Poupar nas despesas de roupa e calçado, Check! Também não era muito difícil, visto em 2019 termos feito um enorme investimento em roupa. Este ano, talvez até por estarmos mais em casa e não sentirmos a necessidade de trocar de peças de roupa, que a poupança na compra de roupa e de calçado foi de cerca de 62%.

      - Poupar em médicos e farmácia, Check! E ainda bem, em 2019 corri demasiadas vezes para o médico e isso não ajudou em nada. Apesar dos tempos que vivemos em 2020, conseguimos poupar cerca de 11% das despesas em farmácia durante o ano de 2020. Sei que nestas contas estão incluídos os óculos para Ele, os meus cremes que comecei apenas a usar de 2021, mas a verdade é que é sinal que tivemos mais saúde e isso é óptimo!

     - Poupar em combustível, este era um dos pontos que mais queria que acontecesse porque temos uma despesa anual em combustível absolutamente brutal, e nisso (infelizmente) a pandemia ajudou. Durante o ano de 2020 conseguimos poupar cerca de 10% da nossa despesa em gasóleo, poderia ter sido mais? Não sei, eu gostava, mas já fico contente que este aspecto tenha acontecido.

       O facto de ter estado em confinamento bastante tempo também permitiu poupar em áreas como a ida a cafés, ao nível da estética e de passeios, visto não termos ido de férias. Eram pequenos prazeres que tínhamos que nos foram negados, mas que nos ajudou a poupar nas nossas despesas anuais. Apesar das poupanças que foram conseguidas ao longo de 2020, houve áreas em que gastamos mais dinheiro, uma consequência do covid-19 (ou não) e a outra consequência de se andar tanto na estrada.

      - Não poupamos no mecânico, aliás, tivemos um aumento da despesa de mecânico de 55% com os carros. Acho que durante o ano de 2020, se os nossos carros não tiveram todos os meses no mecânico estiveram quase, ora o meu ora o d'Ele. São despesas com as quais não estamos a contar, mas que nos abalam do coração. Os carros são na nossa casa uma das maiores despesas anuais que temos.

     - Não poupamos no supermercado, eu bem que tento apanhar boas promoções e a verdade é que muitas das minhas encomendas online no Continente são praticamente com produtos apenas em promoção, mas se poupamos nas idas aos restaurantes aumentados em 15% a nossa despesa anual em produtos de higiene e comida. Admito que este aumento também advenha do facto de os produtos alimentares terem aumentado de valor desde o início da pandemia, nomeadamente fruta, legumes, carne e peixe, bens que nos são essenciais.

         Sei que no final do ano, se formos a comparar com 2019, gastamos mais em 2020, mas estas contas já incluem muitas despesas com o nosso terreno para a construção da nossa casa e até com bancos e licenças. Em 2020 conseguimos fazer o nosso empréstimo, fizemos o muro de suporte das terras do terreno e ainda todas as licenças, taxas e taxinhas para a construção da casa, por isso é normal. O dinheiro que fomos poupando ao longo dos últimos dois anos desvanesceu-se para podermos começar a construir a nossa casa. Apesar disso sinto-me muito orgulhosa destas poupanças, consegui controlar bem as despesas, os impulsos e até fazer melhores compras. Espero que em 2021 as coisas continuem a correr bem e até melhor, no que toca às minhas poupanças!

13
Jan21

As séries dos últimos tempos #3

         Voltou a época de ficar colada ao sofá nos dias frios e comer séries como se não houvesse amanhã. É claro que com isto me estou a referir às sextas-feiras e sábados, porque durante a semana é completamente impossível. E se não fosse a Netflix acho que já teria desistido de tentar ver televisão, o facto de não haver publicidades e não ter de esperar por novos episódios é das coisas que mais me fascina. Nos últimos meses temos visto algumas séries, mais eu que Ele tem andado com muito trabalho e aqui vai o resumo das melhores séries!

           Peaky Blinders ainda vimos durante as nossas férias de verão e foi das melhores séries que vi na minha vida, fiquei realmente fascinada. Adorei a história, adorei a acção e a ansiedade que criou em mim em cada novo episódio. É a história de uma família de Gangsters ambiciosa, mas com quem acabamos por criar algum nível de simpatia (algumas vezes, nem sempre!). As personagens vivem com os seus próprios demónios e é isso que torna toda a série um verdadeiro vício. É sem dúvida uma das séries que mais aconselho nos últimos tempos e facilmente se vê de uma assentada só, até porque cada temporada tem poucos episódios.

          Admito que demorei algum tempo até ganhar simpatia por Virgin River (talvez dois episódios?), mas lá fiquei agarrada à história desta enfermeira que tenta fugir das suas próprias memórias. É uma série ligeirinha, com alguma acção, mas que nos faz questionar se estamos onde realmente queremos estar e isso acabou por me manter atenta à história. É uma daquelas séries que se vê muito bem quando não sabemos bem o que queremos ver.

         Claro que não podia falhar a 2ª temporada de Coisa Mais Linda. Adoro a série e a forma como as mulheres tentam dar a volta às suas vidas para se tornarem independentes dos homens, adoro a forma como os conflitos da sociedade com os ideais de mulher mudam a vida daquelas mulheres. É uma série ligeira, mas que realmente gosto de ver e já estou ansiosa pela 3ª temporada da série.

          Adorei ver Valeria! Foi uma das séries que mais gostei de ver nos últimos tempos. Levezinha, divertida e com um toque de romantismo que nos aconchega o coração. A relação de quatro amigas faz ter saudades dos tempos em que saía com os amigos e que nos divertíamos (parece numa vida anterior!), mas não deixou de ser uma série bastante gira de ver e até rápida!

         Depois de ter visto Valéria fiquei com o desejo de ver mais uma série de romance, mas divertida e surgiu-me Amor Ocasional. A história de uma solteirona que se apaixona pelo rapaz que as amigas pagaram para a 'engatar'. Uma série com o bom humor Francês, divertida, também ela levezinha, mas que nos prende ao ecrã (nem que seja pelas parvoíces da protagonista!). Gostei bastante e vi apenas em dois fins-de-semana de muito frio!

        No entretanto vimos também a última temporada que saiu de The Crown e nossa! Aquela série é tão boa! The Crown é sem dúvida uma das melhores séries de sempre e com uma qualidade implacável! Vimos também a última temporada de How to Get Away With Murder e aquele fim estranho ficou-me na cabeça durante dois dias! E agora? Que séries aconselham a ver a seguir?

06
Jan21

Para 2021 eu quero...

       Sou uma pessoa que se rege facilmente por objectivos. Gosto de os ter definidos e obriga-me a manter focada. Ao contrário de algumas pessoas, não me esqueço dos meus objectivos ao longo do ano, pelo contrário, vou-me relembrando deles para ver se estão a ser cumpridos ou para ver o que ainda me falta cumprir. Aliás, eu preciso de objectivos para conseguir manter-me activa, mesmo em ano de pandemia consegui cumprir muitos dos meus objectivos até porque os meus objectivos são elaborados de forma a estarem totalmente dependentes de mim própria e não de factores externos. Este ano voltei a definir objectivos, mais contidos devido a ainda estarmos em pandemia, mas de forma a conseguir crescer mais um bocadinho. Então, os meus objectivos para 2021 são:

         Voltar a escrever recreativamente, porque tenho saudades e porque tenho ali alguns ficheiros parados há anos. Ultimamente tenho sentido a vontade de voltar a escrever coisas do meu imaginário e acho que ainda não o fiz por receio de parecer ridículo, mas acho que está na altura de voltar a arriscar na minha escrita.

      Fazer uma formação, quero continuar a investir na minha formação. Gosto realmente do que faço, mas tenho sempre a necessidade de saber mais, de aprender novas técnicas e estratégias e na profissão que tenho é essencial renovar conhecimentos com alguma frequência e é isso mesmo que quero fazer. Este ano quero novamente fazer uma formação como tenho feito nos últimos três anos, o quê? Ando aqui com umas ideias, mas vamos ver no que dá.

         12 meses, 12 receitas vegetarianas. No final de 2020 decidimos diminuir o consumo de carne cá em casa e temos feito algumas refeições vegetarianas, a verdade é que ainda não tenho um grande leque de receitas em que me sinta à vontade fazer, por isso é algo em que quero melhorar este ano. Assim, ao longo do ano quero partilhar com vocês, pelo menos uma receita mensal de um prato vegetariano.

         Ler 12 livros, é já um clássico na minha lista de objectivos, mas sei que se não o colocar me vou desleixar e acabar por deixar a leitura para último lugar no meu dia-a-dia. Espero este ano contar com um bom ritmo de leituras e com uma variadade de estilos de literatura.

        Fazer umas férias, em 2020 tínhamos planeada a nossa roadtrip por Itália e a pandemia estragou-nos os planos. Admito que acabamos por ficar receosos e não fomos de férias para lado nenhum, nem em Portugal e por isso incluo este objectivo para este novo ano. Tenho saudades de passear, de sair da minha rotina e de me isolar de tudo o que me é conhecido. Estamos a precisar de umas férias, não temos intenções de sair do país, mas queria conhecer mais alguns dos recantos bonitos que temos.

       Fazer exercício duas vezes por semana, quero continuar a evoluir na minha prática de Yoga e conseguir aumentar a dificuldade de algumas posições e para isso preciso de ser mais disciplinada no exercício. Além disso, neste momento não tenho qualquer tipo de desculpa para não o fazer até porque paguei a anuidade da app Down Dog e é necessário fazer valer esse dinheiro (ficou-me 17€ um ano inteiro). Espero chegar ao final do ano e estar numa forma física em que me sinta confortável.

       E 2021 ainda promete ser um ano cheio de decisões, iremos começar (FINALMENTE) a nossa casa e temos mais alguns planos para serem realizados ao longo deste ano, mas não os coloco na lista porque não estão inteiramente dependentes de mim (eu e a mania de colocar coisas que só dependem de mim). Que 2021 venha cheio de pequenas concretizações, que venha cheio de objectivos para concretizar e que com tudo isso me faça crescer!
        Bora lá 2021!

 

 

Inspiração do Mês

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Segue-me ainda em...


Justsmile91's book recommendations, liked quotes, book clubs, book trivia, book lists (read shelf)

Nas páginas de...

2020 Reading Challenge

2020 Reading Challenge
Justsmile91 has read 0 books toward her goal of 12 books.
hide

Parcerias

Emprego em Portugal estudoemcasa-mrec