Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

justsmile

30
Jul18

Regressar à vida real

(Imagem retirada daqui)

 

       Voltar à vida real depois de quase três semanas ausente é quase doloroso. Aliás, não é quase, é realmente doloroso. É fisicamente doloroso fazer o corpo entrar ao trabalho às 9h00 da manhã. É o corpo que já não está habituado a levantar-se cedo, é a consciência que está receosa que o alarme não toque e é o psicológico que começa a lançar o alerta de que o melhor mesmo era continuar de férias. E quando esse regresso vem com uma mudança de vida nas duas últimas semanas, tudo se torna ainda mais doloroso. Mas estou viva! Cheia de novidades para vos contar sobre o casamento e sobre a lua-de-mel, sobre a casinha nova e as mudanças todas de vida. Venho cheia de vontade de vos contar mil e umas coisas, mas só de olhar para a agenda do trabalho já sinto o tempo escassear e o cansaço a infiltrar-se mais rapidamente do que seria esperado. 

        Contudo, venho com um sorriso de orelha a orelha, o casamento foi absolutamente lindo e tudo correu muito melhor do que esperado. A lua-de-mel foi uma surpresa e fiquei mais encantada pelo México do que alguma vez esperaria. E regressar? Regressar para a nossa casa foi bom, com a casa de pernas para o ar e tudo para arrumar, mas foi bom. Melhor ainda foi regressar a este cantinho, onde me esperava um miminho da Passarada. Um miminho que já tinha lido, mas que me aqueceu o coração e que juro, me sensibilizou a alma. A Passarada, um grupo improvável de pessoas que se cruzou no meio da blogosfera e que poucos se conhecem pessoalmente, mas que se apoiam mutuamente para a parvoíce e para a tristeza, para a alegria e para a galhofa. Eles encheram-me o coração no dia após o casamento (vá, eu sei que isto foi no dia do casamento) com os gestos e as palavras que partilharam comigo, aqui agradeço tudo. A prendinha, as palavras e o carinho que partilharam comigo ao longo de toda esta aventura que foi preparar um casamento e uma casa, agradeço as vezes que me 'ouviram' resmungar e que me ajudaram a rir nas alturas de maior stress. Graças a eles sou uma pessoa mais feliz e com mais amigos e hoje, neste regresso que graças a eles ainda me aquece mais o coração, deixo-vos aqui as palavras que eles partilharam nos seus cantinhos no dia 13 de julho às 14h00, precisamente à hora em que entrava na igreja para me casar: MagdaDrama QueenAlexandraCaracolFatiaMula e Silent Man. Um grupo improvável que entrou na minha vida sem querer, mas que já não sei ver-me sem eles. Um enorme obrigada a todos, do coração

        Agora? Agora vou voltar para o meio da papelada que estava sobre a minha secretária, vou tentar organizar os posts que tenho tanta coisa para vos contar e ainda tentar criar uma nova rotina nesta nova vida de casada.

           Voltar à realidade é realmente doloroso, mas assim, rodeada de tanta gente que me quer bem, sabe tão bem!

15 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Segue-me ainda em...


Justsmile91's book recommendations, liked quotes, book clubs, book trivia, book lists (read shelf)
Revista Inominável

Nas páginas de...

2018 Reading Challenge

2018 Reading Challenge
Justsmile91 has read 0 books toward her goal of 12 books.
hide

Parcerias

Emprego em Portugal