Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

justsmile

05
Fev15

Aventuras de terapeuta V

(Imagem retirada da Internet)

 

Estava eu a sair de uma sessão para ir chamar a próxima senhora, quando a encontro ao lado do fisioterapeuta. (Contextualização: após AVC a senhora quase que não consegue falar, apesar de ser autónoma, o que fala, pouquíssima gente percebe e eu tenho a sorte de a perceber, mas não à primeira).

- Oh senhora terapeuta da fala, tente-me perceber o que a senhora está a tentar dizer. - Grita-me o fisioterapeuta do fundo do corredor com ar de riso e a senhora com ar de malandro.

- Então dona Clementina, diga-me lá. - peço eu à senhora ainda à porta da minha sala.

- JJFHIUEIERBWHHERWEORERJ. - tenta ela dizer entre risos.

- Não percebi nadinha, tenha calma e tente-me lá dizer o que se passa. - digo eu tentando-me contextualizar.

- HFEIHFEWOFHEWIJFEW. - diz ela gesticulando e sempre com aquele sorriso malandro.

- Ok Clementino, não percebi nada, mas vou entrar e assim que perceber digo-te. - digo eu entrando na sala e pedindo à senhora para se sentar. - Então, agora com mais calma tente explicar-me o que queria dizer ao Clementino.

- JHJFISEFJOEWIWPEO.

- Oh dona Clementina, tem que falar mais devagar e com calma senão nem saímos daqui hoje. - com esta senhora, quando ela está entusiasmada é ainda mais complicado percebe-la, então inicialmente fui pela teoria da tentativa erro até que cheguei à conclusão mais estranha.

- Tem a certeza de que é isso que quer perguntar? - questionei-a tentando manter o riso, ao que a senhora respondeu afirmativamente. Levanto-me abro a porta e tenho a sorte do fisioterapeuta ainda estar no corredor.

- Oh Clementino, a senhora Clementina quer é fazer-te uma pergunta à qual só tu podes responder, anda cá! - achando que tinha já gritado o suficiente, considerei inadequado gritar uma pergunta daquelas.

- Ai era uma pergunta? Então traduz-me lá. - pede ele aproximando-se da porta.

- Ora, a dona Clementina apenas queria saber se eras um solteirão. - aqui não consegui conter o riso, assim como o fisioterapeuta e a própria senhora.

- Oh dona Clementina, sou solteirão sim! - diz ele mostrando as mãos e gesticulando.

Ri-me tanto, assim como a senhora e o próprio fisioterapeuta. São dias assim que dão gosto trabalhar, sentimo-nos úteis e ainda nos divertidos a ganhar dinheiro.

 

P.S.: Clementina e Clementino são nomes fictícios e nem sei explicar como os escolhi.

25 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Inspiração do Mês

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Segue-me ainda em...


Justsmile91's book recommendations, liked quotes, book clubs, book trivia, book lists (read shelf)

Nas páginas de...

2021 Reading Challenge

2021 Reading Challenge
Justsmile91 has read 0 books toward her goal of 12 books.
hide

Parcerias

Emprego em Portugal estudoemcasa-mrec