Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

justsmile

25
Jan15

Efemeridade da vida

(Imagem retirada da Internet)

 

É nestas alturas mais escuras em que me questiono sobre a efemeridade da vida. É na altura de perda e de dor que me volto a questionar sobre o sentido da vida, qual a sua função e o seu objectivo. É neste dia mais sombrio que me apercebo de como a vida é passageira, de como num momento estamos aqui e no outro passamos a deixar de ter a nossa alma no mundo. A perda, a dor, as lágrimas, as memórias fazem todas parte destes momentos negros. Estes próprios momentos fazem parte da vida de qualquer um, mas as questões percorrem-me a cabeça de forma inevitável. A sensação de vazio acaba por preencher todo o sentimento e pensamento, acabando por apenas querer adormecer e só acordar depois da tempestade. Quão efémera é esta vida e tão pouco conseguimos levar connosco, deixando mais por cá do que aquilo que podemos imaginar. A vida é realmente passageira e só me lembro disso quando a morte bate 'na porta ao lado'. Hoje é um dia escuro, um dia negro, em que se tenta pensar 'Já viveu tanto, agora chegou a sua hora', mas é difícil conseguir compreender esse conceito de 'tanto' quando na verdade não faço a mínima ideia de qual o nosso prazo de validade enquanto seres humanos. Hoje volto a lembrar-me da efemeridade da vida e hoje volto a perder alguém. Acredito que assim será melhor para seu próprio bem, mas as questões filosóficas do sentido da vida vêm agarradas a estes acontecimentos e fazem-me questioná-las de forma mais vigorosa.

Hoje e amanhã e ainda depois será difícil, mas sei que o tempo ajudará tudo e todos.

23
Jan15

A Feira das Vaidades (1/15)

(Imagem retirada da Internet)

 

Acabei esta tarde, numa das minhas horas de almoço, este livro. Opinião? Não sei bem defini-la. É um livro de uma época literária que adoro acompanhar, não fosse os livros de Jane Austen do mesmo século, contudo, não consigo definir este livro. Encontrei aspectos positivos como negativos, o que me deixa demasiado imparcial a uma opinião concreta e fidedigna. 

Os aspectos negativos deparam-se com demasiada informação desnecessária para o enredo, o que me fez sentir algumas vezes perdida. Tanto o autor falava de X, como de repente o comparava a Y que nunca mais surgia na história. Considero que também foram demasiados os apartes do autor, 'conversando' com o leitor sobre a situação e considerando-se apenas um observador de toda a história, se ao início os considerei criativos, a meio do livro comecei a considerá-los aborrecidos e tinha bastante vontade de lhes saltar o parágrafo. Ainda, a história tem tantas reviravoltas que cheguei ao ponto de ter de ler repetidamente capítulos para conseguir compreender o que se estava a passar.

Apesar dos aspectos negativos, o livro tem o seu lado positivo. A demonstração de uma sociedade de época bastante leal, representando aquilo que realmente existia, todas as suas virtudes e defeitos. Adorei o contraste entre as duas personagens principais, em que Amélia era tudo o que uma maravilhosa mulher deve ser e Rebecca tudo o que uma mulher extremamente gananciosa é. Este contraste, apesar das educações semelhantes e dos genes diferentes, foi o que deu mais encanto a toda a história, acompanhando a vida destas duas mulheres ao longo do tempo e prendendo-me às suas páginas. A história em si, também tem o seu encanto. Apesar das diversas partes aborrecidas e que eram totalmente desnecessárias, o enredo é agradável e são variadas as situações em que o leitor pára para reflectir sobre as mesmas.

No fundo acho que gostei da história e o livro faz justiça ao seu título, 'A Feira das Vaidades', no entanto, entristesse-me ver que o mundo não mudou assim tanto desde do século XIX.

 

'Venham, crianças, arrumemos o palco e os fantoches, porque a nossa peça já foi representada.' - frase de desfecho da história.

 

22
Jan15

Adoro livros de borla!

unnamed (1).jpg

 

(Imagem de Just Smile)

 

Há uns tempos atrás a Editora Presença presenteou muita gente com um concurso em que se ganhavam livros. Na minha rica estante tenho o prazer de ver 'A casa do silêncio' e 'O cemitério dos sem nome'. Mas estes não foram os únicos livros que consegui adquirir sem qualquer tipo de custos, as 'Travessuras da Menina Má' e agora 'O tempo entre costuras', foram livros que vieram cair nas minhas mãos completamente gratuitos. A NiceQuest é um site que nos envia emails para respondermos a questionários, cada questionário vale X pontos e depois podemos fazer troca desses pontos por artigos. Eu seleciono sempre livros e este foi a minha última aquisição.

Adoro receber estes miminhos de borla!

Inspiração do Mês

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Segue-me ainda em...


Justsmile91's book recommendations, liked quotes, book clubs, book trivia, book lists (read shelf)

Nas páginas de...

2021 Reading Challenge

2021 Reading Challenge
Justsmile91 has read 0 books toward her goal of 12 books.
hide

Parcerias

Emprego em Portugal estudoemcasa-mrec