Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

justsmile

Qua | 06.01.16

O que não sabem sobre mim? II

IMG_6439.jpg

 

Não me importo nada de arrumar a cozinha, é algo que não me chateia. Odeio aspirar, aquele barulho intenso faz-me logo dores de cabeça. Porque não gosto de multidões? Porque tenho uma claustrofobia mínima e por isso mesmo também odeio elevadores e casas de banho de aviões. Porque não me agarro demasiado às pessoas? Porque tenho medo de me desiludir e como isso já aconteceu tantas vezes em tão poucos anos de vida, comecei a andar com um pé atrás com todos os que me rodeiam. Não gosto de partilhar os meus problemas porque me faz sentir impotente, como se eu própria não soubesse lidar com eles e porque acho que as pessoas não têm de andar com os meus problemas às costas. Odeio batatas cozidas porque parece que não me passam pela garganta. Tenho demasiado cuidado a comer peixe porque quando era pequena fui parar ao hospital com uma espinha na garganta e a minha mãe diz que a sorte era eu berrar tanto que o médico conseguiu logo tirá-lo. Tenho pavor a cobras porque quando era bebé e andava na fase de gatinhar uma cobra entrou dentro de minha casa e subiu as escadas todas e ia de encontro ao meu berço caso a minha cadela não tivesse alertado a minha avó para o perigo. Não gosto de gatos porque os acho falsos. Não gosto de bananas porque só o cheiro forte e doce delas deixa-me logo enjoada. Não gosto de chocolate branco porque o acho demasiado doce. Sou extremamente desarrumada nas minhas gavetas, acumulo papeis, fios e montes de lixo desnecessário e normalmente só as arrumo duas vezes por ano, mas pelo menos encontro sempre o que quero. Porque não gosto de entrar nas águas frias do norte? Porque descobri nas Canárias e na Tunísia o prazer das águas quentes e então desisti de entrar em águas frias. Sempre admirei grandes revolucionários, como o Salgueiro Maia, o Che Guevara e outros tantos. Por vezes em sonhar ser uma revolucionária acho que nasci na época errada. Porque sou tão independente? Porque tenho dois irmãos mais velhos que me ensinaram a ser assim, porque já viajei sozinha e estive longe dos meus pai durante algum tempo. Não gosto de ficar nas fotografias porque acho que fico sempre esquisita. Não consigo dormir em condições enquanto aquele raio de sol teimar em entrar no meu quarto. Desde sempre fui muito sonhadora, mas não era rapariga de sonhar com casamento, era mais de sonhar em mudar o mundo. Porque sou feminista? Porque li, vi e tomei conhecimento de muitas histórias de mulheres que nunca puderam ser o que queriam por causa do homem. Adoro azul porque é a cor do céu e do mar. Adoro crianças porque desde pequena que ajudo a minha avó a tomar conta dos meus primos. A minha mãe diz-me que quando era pequena eu acordava e nem me vestia, nem tomava o pequeno-almoço antes de ir a casa da minha avó cumprimenta-la e ao meu avô. Tenho horror a centopeias porque uma vez estava a ler no meu quarto e uma me caiu no ombro e fiquei com o trauma. 

 

Assim até me ficam a conhecer melhor! 

10 comentários

Comentar post