Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

justsmile

Seg | 27.07.15

Isto de ir a Casamentos...

page.png

(Imagens de Just Smile)

 

Isto de ir a casamentos tem que se lhe diga, quanto mais a um domingo, véspera do início de mais uma semana de trabalho. O dia foi longo, os pés ficaram cansados, os olhos pesaram do álcool saboroso experimentado e a barriga inchou de tanta comida. E apesar de me ter babado com as sobremesas, não lhes toquei e a minha barriga agradeceu.

Depois isto de ir a casamentos faz-me ter três tipos de pensamento:

1. Porra que estou a ficar crescida.

2. Porra que estou a ficar velha.

3. O que quero e o que não quero no meu próprio casamento.

O primeiro faz-me logo pensar em que como o tempo passa rápido e em como já vou a casamento de amigos. Mas até a vestimenta me fez sentir uma verdadeira senhora, principalmente para quem anda cinco dias por semana de farda e o resto de sapatilhas e calças de ganga (vá, ultimamente vario com sandálias e melissas). Além disso, aguentar-me quase o dia todo em cima de uns saltos altos (usados pela primeira vez e que no total só usei 6 vezes sapatos de salto) fez sentir-me extremamente orgulhosa.

O segundo é que pesa, começo a pensar que realmente estou quase a meio da casa dos vinte (e o homem quase a passar) e até parece que já estamos a ficar velhos para tal cerimónia. Quase que dá a parecer que a data de validade para cumprir esse objectivo se aproxima disparatadamente e que me dá a leve sensação de medo.

E a terceira? Pois é, eu e Ele estivemos a fazer uma check-list daquilo que idealizados para um possível casamento. Comentários bem baixinhos, como em segredo, não vá alguém ouvir e começar a festejar antes da hora. Isto e aquilo sim, pode ser. Ai aquilo não quero!

A segunda-feira é de 'ressaca' e além do escaldãozinho no pescoço e do moreno esquisito e cheio de zonas mais claras e outras mais escuras, os pés não se queixaram e o coração esteve cheio.

 

P.S.: E obrigada à Maria das Palavras que me fez apaixonar pelo vestido e encomendá-lo imediatamente pela internet, senti-me uma princesa crescida!

26 comentários

Comentar post

Pág. 1/2