Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

justsmile

Qui | 18.01.18

Encontrei o champô milagre!

(Imagem retirada daqui)

 

       Recentemente partilhei com vocês a minha ida a um dermatologista que, se anteriormente se tinha mostrado prestável, desta vez me deixou sair de uma consulta completamente frustrada. Desde que me lembro que sofro de uma pele e cabelo bastante oleosos, ao ponto de ter problemas de pele devido à excessividade de produção sebácea e ao ponto de ter de lavar o cabelo todos os dias. Sim, digo todos os dias. Há alguns anos que tenho sido acompanhada por um dermatologista e já fiz alguns tratamentos, experimentei uma quantidade infinita de champôs, fiz tratamentos medicamentosos para reduzir a produção de sebosidade e até experimentei mil e quinhentos cremes XPTOs. Se na pele melhorei significativamente, no cabelo o caso não foi o mesmo. Não me lembro sequer de não lavar o cabelo todos os dias. Já fiz todas as mezinhas e mais algumas, já andei dias com o cabelo oleoso a ver se secava e se permitia diminuir a frequência das lavagens, já experimentei uma grande gama de produtos, já usei o champô seco do qual não obtive diferença nenhuma e os resultados foram sempre inexistentes.

        Depois da consulta 'maravilha' passei na minha farmácia de eleição e partilhei a minha indignação com a farmacêutica. Depois de uma conversa ela sugeriu-me um champô que nunca tinha ouvido falar, mas na falta de melhor aceitei e decidi experimentar. O dito do champô não foi propriamente barato, cerca de 13-16€, no entanto o desespero já era tamanho que estava por tudo. Durante uns dias experimentei e não aconteceu nada, o que me irritou, tive de continuar a lavar o cabelo todos os dias e via o frasco a diminuir sem qualquer tipo de resultados. Até que no final da primeira semana, antes de tomar banho me apercebi que no final do dia o cabelo tinha bom aspecto, um bocadinho de oleosidade, mas nada de especial. Decidi lavá-lo na mesma, mas a minha surpresa foi no dia seguinte à noite quando reparo que realmente o champô estava a ter resultados, o cabelo estava com menos volume, mas não estava oleoso. Há três meses que uso este champô e ando extremamente contente com os resultados. Pela primeira vez na minha vida (pelo menos desde que me recordo) que lavo o cabelo dia sim, dia não. Há dias em que o cabelo está em pior estado ao final do dia, dias com chuva e maior humidade costumam ser o caso, mas nada como anteriormente, nada que um elástico não resolva. 

       O champô milagre foi o Curbicia da Rene Furterer Paris, segundo a embalagem, 100% de ingredientes activos de origem natural, o que vai ao encontro da minha vontade de cuidar de mim sem químicos, uma das minhas resoluções do último ano, começar a eliminar o excesso de químicos na minha higiene pessoal (sem perceber bem o rótulo, espero que realmente assim o seja, mas tive a confirmação da farmacêutica que não teria qualquer tipo de reacção indesejada por serem produtos naturais). O preço é que não é o mais apelativo de sempre, no entanto uma embalagem durou-me três meses e realmente passei a lavar o cabelo com menos frequência, o que nunca me tinha acontecido. Acho que neste aspecto valeu a pena, não só comecei a lavar menos o cabelo, a utilizar menos vezes champô nele, como também poupo imenso tempo a não ter de lavar e secar o cabelo todos os dias. O produto aconselha a ser utilizado apenas 2-3 vezes por semana e nos outros dias em que é necessário lavar o cabelo usar um champô normal, o que me acontece é apenas passar o champô normal quando tenho demasiada oleosidade no cabelo e só depois aplico o produto. O resultado tem sido fantástico e pela primeira vez perdi o cepticismo quanto aos champôs para cabelos oleosos.

        No site da marca encontrei mais alguns produtos para cabelos oleosos, para já não irei experimentar, mas espero no futuro comprar para verificar os resultados. Até lá, mantenho-me fiel a este champô que finalmente resolveu o meu problema (vá, parcialmente) de oleosidade excessiva no cabelo. Que truques usam para o vosso cabelo oleoso?

11 comentários

Comentar post