Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

justsmile

Seg | 20.03.17

Desenhar uma cozinha IKEA?

Desde que o IKEA existe por terras lusas que ouvi falar dos seus preços acessíveis e da sua facilidade de montagem. Mais recentemente, quando eu e Ele tivemos de começar a ver cozinhas a sério, ouvimos dizer que desenhar uma cozinha no programa de planeamento do IKEA era a coisa mais fácil do mundo, 'Uma questão de minutos', chegamos a ler. Pois desenganem-se meus caros leitores, construir uma cozinha IKEA, mesmo que no computador, é um jogo de pura paciência!

Eu e Ele andamos em fase de orçamentação e planeamento do espaço da nossa casa 'temporária', para isso é necessário pedir orçamentos aqui e ali e. principalmente, termos definidos no papel e na nossa cabeça a localização dos elementos fundamentais. Decidimos então, para aproveitamento do espaço, criar uma cozinha aberta de acesso à sala e como vamos criá-la de raíz tínhamos de definir a localização das tubagens e electricidade antes de sequer colocarmos o pladur. Assim, depois de ouvirmos maravilhas sobre o programa de desenho do IKEA decidimos experimentar.

A primeira dificuldade foi logo com o software, infelizmente o programa que se encontra disponível online está apenas preparados para computadores que corram a 32bits. Ora, é óbvio que o meu computador e o d'Ele correm a 64bits, e acredito que a maioria dos computadores dos tempos modernos corram também a 64bits. Ficamos imediatamente desmotivados, não só não conseguimos criar a nossa cozinha apartir do sofá como tivemos de nos dirigir ao próprio IKEA.

A segunda dificuldade, a espera. A nossa primeira tentativa de desenhar a cozinha foi na sexta-feira à noite, estávamos positivos que seriam um dia com pouca gente e que teriamos oportunidade de sair de lá com o orçamento. Errado. Esperamos eternidades para sermos atendidos, fomos experimentando isto e aquilo no programa, mas de pouco serviu. Quando finalmente fomos atendidos a ajuda da senhora foi quase nula, lá expliquei 'nós queremos sugestões de arrumação, visto não termos despensa, e também de onde deveremos colocar a banca e o fogão para prepararmos a electricidade e tubagens', a resposta dela 'Ah sim, fazem assim e assim e agora é uma questão de irem experimentando. Experimentem que vou ali a outro cliente.' como se até àquele momento não tivéssemos andado a experimentar ou como se já lá não estivéssemos há uma hora. Já estava com fome, birrenta e simplesmente sem paciência para usar aquele programa irritante e fomos jantar às 22h30 da noite.

A terceira dificuldade, outra vez o software. Arre que aquela coisa é mesmo enervante. Os móveis não viram quando queremos, a nossa noção de espaço e tamanho é bastante reduzida, os móveis não vão para o local pretendido e o raio dos painéis de preenchimento são simplesmente a coisa mais difícil de colocar. Ficámos tão enervados com aquilo que na sexta-feira à noite até sonhei com cozinhas!

No sábado, depois de termos ido ver mais cozinhas a outros locais Ele lá sugeriu voltarmos a dar uma oportunidade ao IKEA. Só a ideia fez-me entrar em pré-pânico, IKEA ao sábado à tarde é simplesmente o caminho mais rápido para o inferno. Contudo, lá fomos e correu muito bem. Fomos praticamente logo atendidos e a pessoa que nos ajudou foi simplesmente ESPECTACULAR. Não sei o nome da rapariga, mas foi a pessoa mais simpática e mais acessível que conheci nos últimos tempos. Em pouco tempo, depois de ter visto o que já tínhamos planeado e do que precisávamos, ajudou-nos a completar a cozinha, sugeriu-nos mais espaços de arrumação e ainda nos ajudou na selecção das cores. Em meia hora, a rapariga tornou a nossa cozinha de sonho possível, fez com que trabalhar naquele software fosse coisa de meninos e ainda saímos de lá com o orçamento. Ok, orçamento um bocadinho (grande) acima do esperado, mas pelo menos ficamos elucidados com o tipo de cozinha que queremos e a respectiva organização. Sabemos que neste orçamento está incluído os materiais de arrumação e isso é o que distingue o IKEA das outras empresas, eles são um génio em aproveitamento de espaços e em arrumação, por isso ainda nem sabemos se teremos ou não uma cozinha IKEA.

Depois desta experiência toda, das horas perdidas naquele software irritante e da minha falta de paciência só chego a uma conclusão: é possível desenhar cozinhas IKEA por nós próprios, desde que tenhamos toneladas de paciência ou alguém que perceba muito do assunto.

Quem já experimentou?

21 comentários

Comentar post