Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

justsmile

Seg | 30.10.17

Ao fim-de-semana fico Offline

(Imagem retirada daqui)

 

      Quem me segue há algum tempo (se calhar mais que um ano) deve ter-se apercebido que hoje sou muito mais assídua por estes lados do que alguma vez fui. O blog vai a caminho dos dez anos e nos últimos dois, três anos tenho conseguido escrever quase diariamente. Desde que deixei a faculdade (a caminho dos cinco anos) que aprendi a gerir melhor o meu tempo, desde que comecei a trabalhar que consegui colocar o meu blog e a minha necessidade de escrever e de partilhar os meus dilemas com vocês como uma prioridade na minha vida. Hoje sou assídua por estes lados, apesar de ás vezes não comentar os vossos cantinhos acreditem que vejo, que leio e que tento sempre manter-me a par das novidades. De modo a organizar-me, por vezes tenho textos em rascunhos que publico quando é necessário e até aprendi a programar a postagem de um texto antecipadamente. Desde que coloquei este cantinho como uma prioridade na minha vida que tem ganho mais de mim, mais de quem sou, mais daquilo que quero ser. No fundo, como já o disse muitas vezes, este espaço tornou-se numa extensão de mim.

      Contudo, (há um 'mas' em tudo nesta vida) nos últimos dois anos aprendi uma outra coisa, aprendi que os fins-de-semana são para me desligar do mundo virtual. Durante a semana consigo estar por aqui, presente. Consigo ler-vos, consigo escrever-vos e por isso ao fim-de-semana aproveito para fazer o que não consigo durante o resto da semana. Quem por cá passa já deve ter reparado que ao fim-de-semana simplesmente desapareço, pois é totalmente verdade. Além de trabalhar ao sábado de manhã e alguma parte da tarde, depois disso aproveito para estar com Ele. Para sair, para arrumar a casa, para ir lanchar fora e até para ir às compras. Ao domingo tento estar com a família, ir até uma esplanada e acabo por ser apanhada em mil almoços de família. O tempo não dá para tirar fotografias, simplesmente porque adoro absorver aqueles momentos com os meus. Esqueço-me com facilidade do telemóvel, raramente vou às redes sociais e até acabo por nem ir ver o email. Ao fim-de-semana, depois do trabalhinho, entrego-me à vida com todo o gosto. Agradeço a facilidade com que me esqueço de tudo o resto e aproveito o que a vida me tem de bom parar dar.

       Ao fim-de-semana deixo de existir no mundo virtual, mas ao fim-de-semana sou feliz em todo o meu pleno. Quem mais é assim?

10 comentários

Comentar post