Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

justsmile

Sex | 27.10.17

A gratidão faz bem à alma

(Imagem retirada daqui)

 

      Quando comecei a investigar sobre como melhorar a minha qualidade de vida, muitos foram os sítios que faziam referência a um diário de gratidão. Um local onde todos os dias se escrevia um bocadinho daquilo por que estávamos agradecidos. Esse compromisso em escrever um diário de gratidão obrigaria a pessoa a parar e procurar as coisas boas daquele dia, as coisas pela qual estava agradecido. Por muito que o dia tivesse sido mau, obrigatoriamente, era necessário encontrar uma coisa, por muito pequena que fosse, que nos fizesse sentir agradecidos. Eu nunca manti um diário desses, nem tenho muitas intenções de o fazer, mas todos os dias, no final do dia, naquele momento em que estou no sofá abraçada a Ele, penso no quão agradecida estou pela vida que tenho. Naquele abraço reconfortante, aquele abraço que me protege, penso em tudo o que me faz feliz. Por muito que o dia tenha sido complicado, cansativo ou até aborrecido, não há dia em que não me passe pela cabeça aquilo que tenho a agradecer. Há dias em que verbalizo e lhe digo o quão feliz sou, outros simplesmente guardo para mim aquele momento de reflexão.

      Não aprendi com nenhum blog, não aprendi com ninguém, aprendi simplesmente com a vida que precisamos de valorizar e agradecer aquilo que temos na vida. Aprendi com a vida que por muito que as coisas estejam difíceis, que por muito que a luz pareça longe, há sempre coisas pelas quais tenho de agradecer. Aprendi isso na minha fase de desemprego, para me manter motivada, para não entrar em depressão e até para conseguir sorrir. Aprendi que é preciso ver mais para além das nossas dificuldades, das coisas más que nos rodeiam e aprendi que temos de encontrar a felicidade nas coisas pequenas (ainda hoje acredito que #100happydays foi um desafio que me ensinou isso). Há dias em que me sinto cansada, esgotada, que me sinto frustrada por o meu sonho profissional estar estagnado, mas depois quando paro, quando respiro e tomo aquele banho relaxante penso que só tenho a agradecer. A vida prega-nos partidas, dá-nos a volta, mas também nos dá oportunidades de que não estávamos à espera. 

      Hoje aqui digo que me sinto agradecida por ter um emprego que me remunere, não justamente, mas quase. Hoje agradeço por ter encontrado o amor da minha vida e por aos pouquinhos começarmos a preparar a nossa vida a dois. Agradeço por ter na minha mãe a minha melhor amiga. Agradeço a coragem que tive por sair 'out of the box' e conseguir caminhar por estradas que me eram desconhecidas. Agradeço as boas conversas com os amigos de sempre. Agradeço o local onde vivo, onde tenho amigos, onde convivo e onde faço parte de actividades. Agradeço aquela hora ao final do dia que me permite relaxar, ler ou pôr as séries em dia. Agradeço quem me aceita, quem me compreende e quem não me julga. Agradeço ter este cantinho que tão bem me faz, que tanto que fez evoluir e que me serviu de guia na vida. Agradeço as pessoas que por aqui conheci e com quem adoro falar, contar e rir. Agradeço ter conseguido transformar-me na pessoa que sempre quis ser e por continuar a lutar para ser melhor. Agradeço os sonhos que consegui realizar, com sacrifício, mas com um enorme poder de concretização. Agradeço o sol, o café, o pé na areia, aquelas coisas tão simples como respirar. Agradeço ter uns sobrinhos maravilhosos na minha vida. Agradeço tanto, mas tanto pela vida que tenho e o que tenho na minha vida que todos os problemas me parecem apenas pormenores. Toda esta gratidão faz-me ver que tudo é ultrapassado na vida, mesmo os problemas, e mesmo sem o saber sei que os dilemas que tenho neste momento na minha vida irão ser resolvidos. Ainda não sei como, não sei bem quando, mas sei que de uma forma ou de outra serão resolvidos. Afinal, tudo que passei se tem vindo a compôr, desta vez não será excepção.

      Hoje já cumpri com o meu momento de gratidão. E quem já praticou a gratidão hoje?

 

10 comentários

Comentar post