Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

justsmile

Ter | 11.04.17

Coisas pouco prováveis...

(Imagem retirada daqui)

 

Gostava de um dia sair a meio do trabalho apenas para ir apanhar sol.

Gostava de pegar na mochila às costas, esquecer a casa e a conta bancária e ir à descoberta.

Gostava de ser capaz de fazer bungee jumping sem qualquer tipo de receio, medo ou pavor.

Gostava de ir para África, fazer voluntariado, sem me questionar se ao voltar iria ter ou não trabalho.

Gostava de acordar a tempo de ver o sol ainda nascer.

Gostava de nadar nua no mar.

Gostava de ir até ao aeroporto e escolher um voo que estivesse prestes a sair.

Gostava de conseguir compreender as teorias do ioga, mais que compreendê-las, conseguir integrá-las em mim.

Gostava de passar uma noite inteira ao ar livre, sem tenda, apenas a manta.

Gostava de ser ainda mais desapegada do que realmente sou.

Gostava de conseguir correr uma maratona.

Adorava conseguir ser um espírito mais livre, menos preso às minhas convicções.

 

E gostava de fazer tudo isto, mas parece-me demasiado improvável. Talvez pela minha personalidade, pela minha educação, pelos objectivos que tenho definidos para mim mesma, pela minha forma de ser e de estar e até pela responsabilidade que sinto em mim. Talvez por gostar do conforto, pela preguiça, de saber que ia ser mordida por mosquitos ou porque sei que a estabilidade financeira é para mim uma ambição. São coisas que gostava um dia de fazer, mas que me parecem tão prováveis de acontecer como ganhar o euromilhões.

Será que sou só eu que penso nestas coisas improváveis de acontecerem?