Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

justsmile

Sex | 24.02.17

Fotografia instantânea, o que escolher?

 

Ultimamente ando apaixonada pelas câmaras instantâneas. Já as ando a namorar há uns meses e tenho olhado para elas com um certo carinho (algo fútil eu sei, ando assim nos últimos tempos). Sei que não é um bem de primeira necessidade, nem lá perto, mas ao investigar pensamos incluir a câmara num dos momentos do nosso casamento e como ainda a quero adquirir antes já andamos a averiguar a situação. 

O drama? Não sabemos bem o que escolher. Em investigações andamos a ver as Instax da Fujifilm, não são muito caras, as recargas ficam baratas pela internet e a diferença maior entre elas é o pequeno espelho que já existe na mais recente e a estética. No entanto, ao ir às lojas descobrimos que existem impressoras de fotografias instantâneas em que enviamos a partir do telemóvel por ligação USB ou Bluetooth e que a fotografia sai na hora, como a da Polaroid. Sem dúvida que a última é a melhor opção a nível prático, basta escolhermos a fotografia do telemóvel e imprimi-la, no entanto estou apaixonada pela ideia da fotografia instantânea, em que o que ficar ficou. Ele diz que se for para o casamento as pessoas podem exagerar no número de cargas por a fotografia não ter ficado bem, mas por outro lado perde-se todo o encanto da fotografia instantânea. Eu e Ele andamos num dilema de primeiro mundo, em que não sabemos se entrar no conceito de instantâneo ou se simplesmente optar pela opção mais prática e mais racional.

E vocês darem um ajudinha com a vossa opinião, ah?